Síndrome do intestino irritável e tratamentos de eleição

Nuno Lemos PERGUNTAS 0 Comments

Síndrome do intestino irritável na medicina chinesa

Na maioria das vezes o tratamento de síndrome do intestino irritável com medicina chinesa é bastante rápido e eficaz. Os resultados são melhores e o tratamento mais barato quando o paciente refere unicamente diarreia e mais complicado quando existe alternância entre diarreia e obstipação (constipação).

Na maioria das vezes os pacientes conhecem bem os alimentos que desencadeiam as crises de síndrome do intestino irritável pelo que os conselhos dietéticos acabam por ser fáceis. Neste caso em particular o doente é o seu melhor médico.

O tratamento principal para síndrome do intestino irritável é a fitoterapia chinesa sem a qual não é possível ter resultados tão excelentes. Obviamente que cada caso é um caso e existem poucos pacientes que não respondem aos tratamentos.

De notar que este artigo é escrito somente para síndrome do intestino irritável sendo que a complicação com outras patologias como úlceras gástricas ou gastrites crônicas afetam a forma como o tratamento decorre e a eficácia do mesmo.

Os 3 tratamentos de eleição para síndrome do intestino irritável são

Dietética

A dietética é relevante em 3 aspetos do tratamento do intestino irritável.

É importante para o diagnóstico em medicina chinesa pois os alimentos que agravam os sintomas dão informação sobre o tipo de padrão clinico.

É importante para avaliação de tratamentos pois permite analisar a resposta do paciente aos mesmos alimentos ao longo do tratamento. É normal notar que os pacientes começam a ganhar tolerância a alimentos ou bebidas que antes do tratamento provocavam sintomas. Por exemplo, estudar a reação do apciente ao consumo do leite.

É importante para o tratamento da paciente pois alguns alimentos (ou a forma como são cozinhados) ajudam a prevenir o aparecimento dos sintomas. Por exemplo um paciente pode sofrer com cólon irritável quando come maçâs cruas mas tolera bem a maçâ cozida.

Acupuntura

tem grande utilidade no alivio da dor.

Pode ter alguma utilidade no alivio de borborismos, diarreia e obstipação/constipação.

Pode ser relevante se existir envolvimento de estados emocionais no aparecimento de sintomas de síndrome do intestino irritável.

Os principais pontos de acupuntura para tratar síndrome do intestino irritável encontram-se nos membros inferiores (pernas) e abdômen. Pontos de acupuntura na região lombar e sagrada também podem vir a ser relevantes.

Fitoterapia

é mais fácil tratar quando o paciente tem diarreia e mais difícil quando existe alternância entre diarreia e obstipação. Este segundo caso exige mais fórmulas.

Quanto mais simples o tratamento de fitoterapia melhor.

É possível usar chás ou pequenas receitas caseiras no alívio de sintomas. No entanto existem fórmulas de fitoterapia chinesa que obtêm resultados excelentes e duradouros pelo que o acompanhamento por um especialista de medicina chinesa é relevante.

Conclusão

A acupuntura e a fitoterapia tem um efeito tão grande e positivo nos pacientes com síndrome de cólon irritável que na maioria das vezes nem dou qualquer tipo de conselho dietético. Uso mais a dietética como diagnóstico e ferramenta de evolução do tratamento de acupuntura e fitoterapia.

 

Deixar uma resposta