Câncer da mama ou cancro da mama

Nuno Lemos PERGUNTAS 0 Comments

O que é o câncer da mama ou cancro da mama

É o cancro do tecido da mama. A mama é uma glândula com base nos músculos peitorais e que produz leite.
Este tipo de cancro maligno é mais comum em mulheres sendo a sua presença rara no sexo masculino.

Quais os factores de risco no câncer da mama

Existem vários fatores de risco associados ao câncer da mama:
aborto numa primeira gravidez
idade avançada: a probabilidade aumenta com a idade avançada.
casos de cancro na família
história pessoal de cancro da mama
primeira gravidez tardia. após os 31 anos a probabilidade de cancro da mama aumenta.
obesidade após menopausa.

Quais os sintomas e sinais clínicos do câncer da mama

câncer da mama ou cancro da mama

câncer da mama ou cancro da mama

Numa fase inicial podem não existir sintomas, mas existem sinais relativos à mama.
Uma paciente ao fazer palpação pode notar:
1 – alteração mama e/ou mamilo.
2 – nódulos ou espessamento da mama
3 – aumento da sensibilidade do mamilo
4 – retração do mamilo.
5 – secreção de liquido pelo mamilo.

Porque é que o cancro da mama está a aumentar

Devido a vários fatores como:
1 – estilos de vida
2 – diagnósticos mais precoces
A capacidade de fazer diagnóstico do cancro da mama está cada vez mais desenvolvida pelo que é mais fácil diagnosticar e tratar. essa é também uma das razões pelas quais o câncer da mama está a aumentar mas a mortalidade está a diminuir.

O que posso fazer

Deve fazer a palpação mamária todos os meses. Numa fase inicial o câncer da mama não desenvolve sintomas pelo que pode ser detetado através de alterações na mama. Essas alterações podem ser sentidas ao toque.
Também deve alterar hábitos de vida de forma a diminuir a probabilidade de aparecer cancro da mama. Desporto, bons hábitos alimentares, não fumar ou não abusar demasiado da bebida são coisas importantes a fazer para diminuir a probabilidade de cancro da mama.
Tome atenção à história de cancro da sua família pois é um fator de risco importante.

O que fazer se descobrir alguma anomalia na mama

Contacte o seu médico. Pode não ser nada, mas deve ter a noção que se for alguma coisa a probabilidade de cura é muito maior se for diagnosticado precocemente. Fingir que o problema não existe só o agrava.
E nunca descure a palpação mamária, especialmente após os 40 anos.

Deixar uma resposta